Finger Joint Benecke – FJB

Originalmente projetada para emendar pedaços de madeira, que normalmente seriam descartados, formando peças longas e sem falhas, trazendo rentabilidade ao cliente e aproveitamento total dos recursos.

A Finger Joint fresa pedaços de madeira de 120 mm até 1000 mm e os cola formando sarrafos de até 6000 mm com alta resistência.

Os pedaços previamente selecionados na espessura são posicionados no alimentador semi automático e seguem para a serra destopadeira/esquadrejadeira onde são serradas em no máximo 2 mm, após isso é riscada onde será fresada, para que o acabamento seja perfeito.

No processo seguinte é fresada com a profundidade de 6 mm em forma de fingers nas duas faces, na sequência passa pelo aplicador de cola e segue para a plataforma de pré-composição.

Seguindo para a pré-prensagem onde será centralizada e prensada em 90%, por fim, é cortada no comprimento desejado, de até 6 metros, e recebe a última prensagem, resultando em uma peça de alta qualidade e resistência.

Finger Joint Benecke – FJB
  • Área ocupada pela máquina 7 X 14 m = 98 m²;
  • Velocidade de 120 emendas por minuto;
  • Exaustão necessária: 210 m³/min;
  • Dimensões das peças;
  • Espessura de 19 a 50 mm;
  • Comprimento de 120 a 1.000 mm;
  • Largura de 38 a 200 mm.
  • Peças de até 6.000 mm;
  • Velocidade da fresagem em relação à prensagem é controlada através de sensores;
  • Os cabeçotes das ferramentas de corte são fixos sem possibilidade de soltura ou folga;
  • A fresa possui 10 facas para melhor acabamento. O diâmetro da fresa é de 10 mm;
  • A máquina possui 5 inversores de frequência;
  • Duas serras instaladas na mesa de saída, sendo possível selecionar os tamanhos de corte;
  • Duas serras para formar o “ombro” de fresagem isso garante fingers sem lascas na madeira;
  • Sensor de peças fora da espessura programada (com tolerância mínima e máxima);
  • Aplicação de cola nos fingers é regulada eletronicamente, evitando desperdício e excessos;
  • O acionamento dos motores em cascata;
  • Possibilidade de instalação em diferentes layouts;
  • Sinais sonoros e visuais para casos falha operacional;
  • Sensores de proteção nas fresas para segurança operacional;
  • Opção de trabalho manual ou automático.

Mais sobre os Equipamentos Benecke

Conheça também:

Criação de Site Vale da Web